Em outubro de 2010 a BIOS assinou contrato com a CELESC para realização da Pesquisa de Clima Organizacional.

A pesquisa foi desenvolvida para aproximadamente 3.700 (três mil e setecentos)  trabalhadores lotados nas 16 (dezesseis) Agências Regionais e Administração Central da CELESC DISTRIBUIÇÃO.

O instrumento de investigação foi criteriosamente elaborado pela BIOS dentro da realidade da CELESC.

Sua operacionalização foi realizada totalmente de forma on-line através de um software inovador desenvolvido pela BIOS, que visa fornecer velocidade e precisão na tabulação e análise de dados e fidedignidade em seus resultados, colocando a pesquisa em padrões científicos raramente atingidos, alcançando o Alfa de Crombach 9,53.

O psicólogo responsável pela operacionalização Felipe Basso CRP 12/09772, especialista em medidas psicométricas, após várias pesquisas sente-se realizado profissionalmente em constatar a não equiparação em todo Estado de Santa Catarina, seja nas organizações ou em publicações cientificas de um software com tamanha fidedignidade.

Para o lançamento da Pesquisa a BIOS realizou junto a CELESC uma Vídeo Conferência a nível estadual.

Da esquerda para direita Sr. Guilherme Correia (Gerente do Departamento de Gestão de Pessoas da CELESC), Sra. Rita de Cássia de Almeida (Diretora da BIOS) Sr. Felipe Basso (Psicólogo da BIOS responsável pela operacionalização da Pesquisa), Sr. Gilberto Odilon Eggers (Diretor de Gestão Corporativa da CELESC), Sra. Ediléia Schimith (Gerente de Recursos Humanos da CELESC) e Sr. Fábio de Paula Corrêa (Chefe da Divisão de Segurança e Saúde Ocupacional).

 

Vídeo Conferência para as Agências Regionais

 

Na Vídeo Conferência foi apresentado o Banner da Pesquisa de Clima, assim como a página inicial utilizada na intranet da CELESC para que os funcionários pudessem responder a pesquisa online.
No Final da Pesquisa, a CELESC divulgou os resultados aos seus funcionários através de um jornal que apresentou os índices encontrados em cada categoria estudada.